MAISON DU ATELIER: UMA HISTÓRIA DE SUCESSO

Minha trajetória começou há muito tempo, com uma infância cheia de sonhos e criatividade.

Tenho uma característica muito marcante de sempre querer cuidar e ajudar a todos, e minha maior realização é sentir a satisfação no olhar de cada pessoa que me relaciono.

No colégio vendia lanches naturais e bijuterias com miçangas, pedrinhas naturais, cordões, chatons. Na faculdade, para ajudar com as contas, aprendi a arte “chocolatier” e criava peças tradicionais como trufas e ovos de páscoa, mas me destacava mesmo pintando chocolate branco e criando peças lindas e enfeites de Natal. Foram cerca de 10 anos no mundo do chocolate e nessa época senti que podia empreender de verdade. Mas continuei  no mercado corporativo até 2005, quando comecei a estudar para concursos públicos e em 2008 iniciei minha carreira bancária em um grande banco público.

Em paralelo, tinha sempre um espaço em casa onde pintava peças em MDF e vendia para amigos e conhecidos.

Aí, a convite de uma grande amiga, fui pela primeira vez na Mega Artesanal.

Não vou esquecer meu pensamento quando pisei naquele lugar: Um dia estarei aqui!

Também não esqueço quando vi, pela primeira vez, um Silhouette funcionando! Que sonho de máquina. E, claro, saí de lá com uma novinha debaixo do braço. Assim começo minha história de amor com os papéis.

Apesar de me dedicar e fazer o trabalho com muito carinho, algumas diretrizes do banco não estavam de acordo com o que eu acreditava. E em paralelo fazia criações na Silhouette. Foram muitas lembrancinhas e principalmente forminhas de doces 4 pétalas.

Após um pequeno acidente no meu casamento (sim, quebrei o pé na minha festa de casamento), precisei me afastar 90 dias das atividades corporativas; período em que estudei como fazer vendas pela internet de forma mais escalável e que pudessem ser vistas por mais pessoas. 

Nesse mesmo período, eu e essa grande amiga, preparamos o Chá de Bebê dos seus filhotes gêmeos. Criamos uma festinha linda com tema de carros muito colorida. E me deu um incômodo de como precisei pesquisar tanto para compor a decoração. Papéis, tecidos, forminhas, vasos, cachepôs, plantas artificiais… cada um em uma loja diferente.

Nasceu a Maison Du Atelier com o objetivo de ter todos os materiais disponíveis para sua festa personalizada em um único lugar – material para criação de lembrancinhas, scrapbook, scrapfesta, plantas e flores artificiais.

Em agosto de 2015, tivemos nosso 1º pedido para uma empresa e assim abri a MEI.

Fiquei vinculada ao banco até agosto de 2016, quando não consegui mais conciliar as atividades e em agosto de 2016 pedi meu desligamento do banco.

São 5 anos de muito amor pelo artesanato e pela criatividade.

Atendemos mais de 40 mil clientes em todos os estados do Brasil e alguns no exterior, e estamos com um portfólio de mais de 800 produtos.

E sabem aquela minha satisfação da primeira frase? Continua todos os dias e em cada pacote que aprontamos com muito carinho.

Agradecimento especial aos meus pais, Eunice e Arlindo, que me me ensinaram que o mundo tem infinitas possibilidades, ao meu irmão César que está nessa jornada diária comigo e ao meu marido e companheiro leal Rodrigo, que me apoia em todas as horas.

Espero que essa minha caminhada inspire você a não desistir dos seus sonhos. Pense nele e acredite! Você é capaz!

By Silvia Lante

compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin

mais vistos da maison

destaques da loja

veja mais

relacionados